top of page
  • Foto do escritorFpM

Trabalho e Bem-estar Financeiro

Voce está insatisfeito com seu trabalho? Não está sozinho.....


O resultado mundial de pesquisa* efetuada pela PwC em 2023 indica que 26% dos trabalhadores estão insatisfeitos e gostariam de mudar de empresa nos próximos 12 meses, um aumento significativo em relação à pesquisa anterior de 2022 que era de 19%.

* A pesquisa publicada  em jun/23 sobre força do trabalho “Hopes and Fears”, em livre tradução Esperança e Medos, abrangeu 46 países 53.912 pessoas, em torno de 10.000 brasileiros.

Entre as motivações encontradas chamam atenção a dificuldade financeira e o sentimento de estarem sobrecarregados:

  • 42% trabalham para pagar as contas

  • 14% têm dificuldade de pagar as contas

  • 04% não conseguem pagar todas as contas

  • 21% tem mais de um emprego para complementar a renda


Impacto da pandemia?

O custo de vida* aumentou significativamente desde a pandemia, reduzindo o número de pessoas que conseguem poupar para férias e extras. Entre 2022 e 2023 passou de 47% para 38%. Além disso, aumentou os que não conseguem fechar as contas de 2% para 4%.

A inflação mundial afeta a vida financeira da população em geral, com a  perda do poder de compra
Dificuldade Financeira e Insatisfação do trabalho

Qual a faixa de idade mais insatisfeita?

A insatisfação é maior entre os mais jovens. Na geração Z (nascidos entre 2000-2010)* atinge 35%, seguidos dos millenials com 31% (nascidos entre 1980-2000).

O intervalo das gerações pode variar segundo o autor. 

Qual o impacto da pressão financeira?

Em outra pesquisa da PwC com 3.638 empregados adultos nos EUA (2023 Employees Financial Wellness Survey) se constatou que a pressão e deterioração da condição financeira tem impacto na vida emocional e física dos trabalhadores, reduzindo produtividade, retenção e engajamento.


Essa questão impacta nas empresas. Especialistas indicam para as empresas ajudarem os funcionários através de cursos de educação financeira.


Em um mundo VUCA (volátil, incerto, complexo e ambíguo), em transformação acelerada como fica o bem-estar dos trabalhadores?

Segundo World Economic Forum se estima que 44% das habilidades atuais passarão por disrupção nos próximos 5 anos. É uma mudança radical no mundo do trabalho que vai afetar trabalhadores, principalmente os de menor qualificação, o que pode agravar a desigualdade de rendimentos.


Um novo movimento? Os Grumpsy Staying

Dois anos atrás o mercado de trabalho (2021) americano estava aquecido, as pessoas se demitiam em busca de melhores oportunidades, em um movimento chamado de "Grande Significação". Este movimento foi seguido pela "Desistência Silenciosa (Quiet Quitting)"


Em 2023 a taxa de demissão nos EUA voltou ao patamar de 2019, se detectando um novo comportamento, o “Grumpy Staying”, em livre tradução, permanência mal-humorada. Significa permanecer no cargo, mas reclamando


Vamos acompanhar as transformações do mercado e falar mais sobre a necessidade do bem-estar financeiro. Conte conosco nesta jornada de Educação Financeira.

 

Fonte da Imagem: concern-about-bills by storyset on Freepik

 

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page