top of page
  • Foto do escritorFpM

Mais História das Mulheres na Tecnologia

Celina Gomes para BlogFpM.


Recentemente um artigo no site da BBC Brasil mencionou a participação feminina em um evento do pós-guerra, um evento de ponta no mundo da computação e processamento de dados.


O Departamento de Guerra havia desenvolvido o ENIAC (Electronic Numerical Integrator And Computer ou Computador e Integrador Numérico Eletrônico), o primeiro computador digital eletrônico programável. A notícia saiu em 1946, e o computador propunha-se a agilizar e fazer o trabalho de vários “homens”. Após a construção do equipamento, era necessário fazê-lo executar os cálculos. E para isso a programação tinha que ser feita, ou seja, era necessária a construção do software.


Já havia várias mulheres que faziam os cálculos manualmente e muitas delas participaram do projeto. Foram 6, e não apareceram, nem foram convidadas para apresentações: Frances "Betty" Holberton, Kathleen "Kay" McNulty, Marlyn Wescoff, Ruth Lichterman, Frances "Fran" Bilas e Jean Jenningsz.


Elas sabiam resolver as equações diferenciais, mas era necessário automatizá-las. E a programação era bem artesanal, sem as linguagens que temos atualmente.


Apesar de sua presença não ter tido visibilidade, elas prosseguiram na carreira e deram contribuições. Betty Holberton participou da criação da linguagem COBOL, preponderante em mainframes. Até os dias atuais temos sistemas rodando com esta linguagem.


Sempre vale a pena lembrarmos destas mulheres pioneiras.

 

Fonte da Imagem: Mulheres em tecnologia

 
18 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page