Computação Quântica

por Celina Gomes para BlogFpM.


Foi divulgado no dia 16 de novembro de 2021 o processador quântico da IBM, que aliás não é o primeiro, pois já houve outros desenvolvidos na China.


Os processadores tradicionais baseiam-se em bites que podem ter o valor de 0 ou 1, que compõem os bytes.


No caso dos processadores quânticos, o qubit (bit quântico) pode ser 0, 1 ou um valor intermediário. Esta característica, que é a base do processador, permite cálculos muitíssimo mais rápidos que levariam anos e anos para serem executados com os processadores tradicionais. Desta forma a computação quântica viabiliza problemas dependentes de simulação e otimização onde há cálculos iterativos.


Computação Quântica


Em termos práticos:

  • Aplicações para previsão do tempo terão maior assertividade, permitindo prever tempestades, tornando possível ações para salvar vidas e evitar prejuízos.

  • Aplicações para melhoria do trânsito em cidades, especialmente megalópoles, poderão ajudar gestores e cidadãos, com impacto positivo na economia de tempo e recursos.

  • Simulações de carteiras de investimentos poderão ser mais sofisticadas, trazendo mais retorno para investidores.

  • A própria disciplina de desenvolvimento de aplicações se beneficia, pois permite a execução de mais e mais sofisticados casos de teste.

Naturalmente as mudanças não acontecerão imediatamente, mas a computação quântica aliada à inteligência artificial nos trará aplicações e irá transformar a sociedade de maneiras que ainda não imaginamos.


 

Fonte da imagem: Computação Quântica

 

#Tecnologia #ComputaçãoQuantica #CelinaGomes

12 visualizações

Posts recentes

Ver tudo