• FpM

Tecnologia e Redes Sociais na Guerra

Em meio às tristes notícias da guerra recente entre Rússia e Ucrânia em março/22, foi noticiado que os ucranianos, tanto civis quanto militares, estão usando redes sociais para divulgar a realidade da guerra. O TikTok, rede utilizada inicialmente por adolescentes, mas que já está sendo utilizada por políticos e corporações, é uma das preferidas.


Tecnologia e Redes Sociais na Guerra da Ucrania em 2022

A comunicação sempre foi muito utilizada pelos líderes nas guerras, e na Segunda Grande Guerra, o rádio foi a principal ferramenta dos líderes para comunicação com os cidadãos.


Agora, o presidente da Ucrânia está se utilizado deste recurso para se comunicar não apenas com os ucranianos, mas com a opinião pública mundial, com bastante eficácia.


A utilização de redes sociais já foi utilizada em outros movimentos sociais e políticos para agendamento de manifestações, encontros e só mostra que a tecnologia e aplicativos, após criados, são utilizados muitas vezes de maneiras diferentes da imaginada inicialmente.


O próprio WhatsApp, um aplicativo de mensagens, é utilizado como uma rede social, dada a facilidade de se criar grupos e compartilhamento e encaminhamento de informações.


Assim, não é surpresa que no meio da divulgação de situações reais, existam vídeos de outras guerras sendo repassados como se fossem desta, além da propagação de falsas informações. O TikTok já informou que está trabalhando com agências de checagem para coibir disseminação de fake news.


Devemos lembrar que a tecnologia não cria as informações, apenas torna sua circulação mais rápida. O bom ou mau uso da tecnologia depende das pessoas.

 

Fonte da Imagem: Freepik

 

#Tecnologia #RedeSocial #Guerra #FakeNews #Comunicação #CelinaGomes

20 visualizações

Posts recentes

Ver tudo